home poemese amores desamores vibesetal

FUGIR

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

-->
Fugir. Uma palavra tão simples, mas que tem traz consigo uma imensidão de fantasias, desejos e sonhos. Fugir é se refugiar.  Fugir é se desligar do mundo a nossa volta. Ir Pra qualquer lugar, pra qualquer tempo. Esquecer-se dos dias, de pessoas, de momentos. Sumir.
Eu quero isso. É tanta a vontade de viajar para bem longe, conhecer outras pessoas, ver outras paisagens, outros lugares que seja bem longe daqui, onde ninguém me conhecesse.
 Fugir dessa realidade, para outra cidade, outro país, outro planeta, outra vida que não esta. E não precisar mais esconder quem eu sou e fingir um equilíbrio que eu não tenho.
Ai chega um momento que agente cansa, percebe que nem sempre as coisas acontecem da nossa maneira, como o esperado. Perceber que às vezes não dá pra fugir, esquecer e nem sumir. Vai ser sempre assim, e não adianta eu querer mudar.

Por Amanda Cristina [alguns trechos de Caio F Abreu]

Nenhum comentário

Postar um comentário